Pesquisa mostra que 76% dos brasileiros preferem entregas em embalagens de papel e papelão ondulado

A Trend Tracker Survey é um estudo global de preferências dos consumidores sobre impressão, papel e embalagens de papel.

Ele foi encomendado pela Two Sides, organização mundial, sem fins lucrativos, criada na Europa por membros das indústrias de base florestal, celulose, papel, cartão e comunicação impressa, com o intuito de estimular o uso consciente do papel, da impressão e das embalagens de papel.

O estudo aconteceu agora em 2021, em 12 países, incluindo o Brasil, distribuído em três eixos: “Percepções ambientais”, “Hábitos de leitura” e “Preferências sobre embalagens”.

Resultados da pesquisa da Two Sides

O resultado apresenta algo curioso. As pessoas estão esperando que as empresas façam sua parte na preservação do meio ambiente e no desenvolvimento econômico sustentável.

Em todo o mundo, 69% consideram que florestas plantadas são benéficas. No Brasil, que possui em grande parte de seu território biomas importantes como a Amazônia e o Pantanal, esse número sobe para 79%. Entretanto, 61% na Europa e Estados Unidos acham que as florestas diminuíram de tamanho desde 2000, quando, na verdade, os bosques de onde são retiradas as árvores para celulose têm crescido continuamente.

caixas de papelao ondulado para entregas rapidas e transporte

A pesquisa mostra mais. Em todo o planeta, 68% das pessoas acreditam que apenas papel reciclado deveria ser utilizado. No Brasil, 76%.

Um dado que precisa ser trabalhado no sentido de esclarecimento é que 81% dos brasileiros acreditam que o consumo de papel causa desmatamento.

Os brasileiros também são os que têm maior consciência sobre a reciclabilidade do papel e papelão: um total de 32%.

Os consumidores, de acordo com a pesquisa, acham que as embalagens de papel e papelão, em comparação com o vidro, plástico e metal, são mais leves (56%), melhores para o meio ambiente (54%), mais baratas (54%), mais fácil de reciclar (51%), mais fáceis de usar (43%), mais práticas (43%) e mais seguras (39%).

Assim, 57% preferem que produtos de e-commerce sejam entregues em embalagens de papel e papelão. O número sobe para 70% dos que preferem que sejam entregues em tamanho adequado, evitando o desperdício.

Outro dado chama atenção: 42% considerariam trocar de varejo se soubessem que ele não está tentando reduzir o uso de embalagens plásticas não-recicláveis.

Horizonte positivo

Segundo Fabio Arruda Mortara, CEO da Two Sides Brasil, em entrevista à Empapel News de abril, um dos principais objetivos da organização é “aprofundar as ações sobre reciclagem”.

Com relação às embalagens de papel e papelão, “há um horizonte muito positivo, que pode ser aproveitado pelas empresas do setor”, afirma Mortara.

A Trend Tracker Survey ressalta essa premissa. Ao mesmo tempo em que ela mostra que as pessoas estão procurando se engajar e compreender o problema do meio ambiente, elas exigem que empresas façam mais.

Fonte: empapel.org.br